Concisão x prolixidade

Relendo os posts que escrevi aqui, notei uma característica: eles são curtos. Acho que nenhum deles chega a quinhentas palavras. E isso me deixa um pouco preocupado.

Gosto de ser conciso e tento evitar informações redundantes. Por outro lado, sempre acho que poderia ter dito mais sobre algum tema, mas não consigo desenvolver os textos além dos limites do que já disse. A impressão é sempre de que eles saem “preguiçosos”.

Tudo bem que a maioria das pessoas não tem tempo de ler algo muito longo, ainda mais na internet, mas eu gostaria de ser capaz de desenvolver algo mais consistente. Geralmente, o problema de quem escreve  é “enxugar” o texto, cortar o supérfluo. Comigo é o contrário.

Bom, isso só se resolve praticando e escrevendo textos interessantes. Servir sempre até servir bem, como coloquei no lema do blog ( é uma inversão do “servimos bem para servir sempre”, de padarias e outras lojas.)

E é isso o que eu tenho para dizer.

Pfff, esse texto saiu curto também.

Anúncios
Esta entrada foi publicada em Pessoal com as etiquetas , . ligação permanente.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

w

Connecting to %s