Wikipedia, 15 anos, 10 anos.

Em 15 de janeiro, a Wikipedia comemora quinze anos de fundação. Também esse mês, um pouco depois, fará dez anos que eu criei uma conta na enciclopédia. Pensando nesse aniversário duplo,  só posso ser grato à enciclopédia virtual pelo inestimável serviço prestado à difusão livre do conhecimento e  fico muito feliz por ter colaborado, ao menos um pouco, em sua contínua construção.

Naquela época a versão em inglês da enciclopédia tinha cerca de meio milhão de artigos (hoje já tem mais de cinco milhões) e a edição em português, trinta mil (agora novecentos mil). Meio milhão de artigos parecia um número grande em 2006,  mas não englobava todos os assuntos conhecidos. Fui procurar um artigo sobre um tema relacionado ao Brasil e não tinha. Fiquei um pouco decepcionado. Mas, afinal, aquela era a enciclopédia que qualquer um pode editar, portanto eu podia escrever algo sobre o assunto, mesmo com um inglês mediano. Pesquisei um pouco e escrevi um artigo, um esboço de quatro linhas.

Qual não foi minha maravilha ver que uma semana depois, o artigo havia crescido com a colaboração de outros editores, que acrescentaram imagens e informações mais detalhadas. Senti-me realizado ao ver que minhas ações tinham importância, eram vistas e aprimoradas por gente que nem conhecia.

Durante esse período, criei pouco mais de uma centena de verbetes para as edições em inglês, português e espanhol. No começo escrevia somente na edição em inglês, visando diminuir a lacuna de informações sobre temas brasileiros por lá, mas passei a colaborar também em nossa língua.

Sabemos que a Wikipedia possui muitas falhas, como páginas sujeitas a vandalismo, editores pagos por empresas para maquiar informações consideradas embaraçosas, embora factuais, sobre seus clientes, e a imensa desigualdade de gênero, com a pouca participação de mulheres na edição e o tratamento hostil de certos editores contra elas (problemas esses que pouco a pouco estão sendo enfrentados e, espero, resolvidos),  mas ainda acredito que seja o melhor projeto da internet  uma iniciativa  aberta, gratuita, sem fins lucrativos e com potencial para agregar todo o conhecimento humano.

As universidades, que antes desdenhavam uma enciclopédia escrita por amadores estão deixando a desconfiança  e colaborando com ela.  Além delas, galerias, bibliotecas, arquivos e museus (conhecidos pela sigla em inglês GLAM) estão digitalizando coleções de seus acervos sob licença livre para uso da enciclopédia e projetos-irmãos (Wikcionário, Wikisource, Wikimedia Commons, etc.) A Wikipédia tem como um de seus pilares a verificabilidade das informações, portanto ela só é tão boa quanto as fontes pesquisadas para escrevê-la, assim como qualquer texto científico.

Há dias, quando uso a internet, que não entro no Facebook. Tem dias que não acesso nem mesmo o meu e-mail, mas não há um dia sem que eu entre na Wikipedia. Não consegui enjoar de colaborar com ela. Talvez um dia, mas ainda não. Portanto, continuarei editando sempre que puder.

Anúncios
Esta entrada foi publicada em Uncategorized. ligação permanente.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s